SE – Capítulo 216 – Armadilha



No meio da noite, Meimei, que tinha terminado de treinar, tomou banho e se arrumou. Ela se vestiu com uma saia de algodão, uma camisa, uma jaqueta de couro, um par de óculos de sol e uma boina… Tudo preto.

Essa opção para as roupas dava um visual muito estranho na bela e valente Meimei. Ela parecia uma menina durona, e ao mesmo tempo a dava um charme sexy e fresco.

Agora já era de madrugada, e todos na casa estavam dormindo. Com muito cuidado, ela pulou da janela do seu quarto e desceu.

Tendo cuidado para não fazer barulho, ela andou lentamente pela floresta, e depois de um tempo, ela começou a correr.

Depois desses meses cultivando, sua força há muito ultrapassou os 700 Kg, então sua velocidade de corrida era extremamente rápida.

Depois de correr por um tempo, ela chegou no meio de um matagal, e depois de mover algumas folhas, uma moto apareceu na sua visão.

Subindo na moto, ela colocou a chave na ignição, e dando partida, ela saiu do matagal de moto.

A moto era extremamente rápida, e não fazia muito barulho. Depois de um tempo de moto, ela chegou numa rua, e acelerou ainda mais, saindo do lugar em uma velocidade enorme.

Enquanto dirigia a moto, ela pensou silenciosamente:

‘Ele disse que os Deuses Marciais vigiando o lugar já haviam saído, então só resta saber se ele me descobriu. Eu aprendi a me mover sem fazer barulho, então ele não me descobrirá pelo som… Eu acho.’

‘Quando nós tomamos banho, ele não usa sua mente para vigiar o lugar. Eu falei que ia dormir no banho hoje por causa do meu cansaço, então…’

‘Ele vai ignorar meu quarto durante suas rondas. E levando em conta o tempo que levei para sair do meu quarto e da zona de escopo da mente dele… A chance de eu ter sido descoberta é pequena. Se ele não descobriu, ficará sem descobrir até eu voltar.’

‘Quando eu chegar de manhã é só eu falar que pulei do meu quarto para treinar, e mesmo que ele desconfie, não poderá chegar a nenhuma conclusão…’

‘Perfeito então.’

Meimei subestima Baijian demais.

***

Em um bar elegante no centro da cidade de Xangai, um rapaz estava silenciosamente bebendo vinho num banquinho ao lado de um balcão. Ele parecia ter em torno de 17 a 18 anos, e embora fosse novo, bebia vinho e ninguém o incomodava.

Esse bar era um daqueles bares em que pessoas ricas vão para gastar uma fortuna só para manterem o status.

O rapaz estava bebendo o vinho silenciosamente, e de repente uma mulher bonita se sentou dois banquinhos ao lado dele.

“Me vê duas doses de tequila.”

Ouvindo isso, o rapaz olhou para a mulher com um brilho estranho nos olhos e sorriu agradavelmente. Ele estendeu a mão e falou:

“Shi Zhuimin.”

A mulher sorriu e estendeu as delicadas mãos:

“Lin Huizhen.”

O rapaz começou a observar a mulher, e sorriu satisfeito. Huizhen era bonita. Ela tinha uma estatura alta, um belo corpo, um rosto bonito… Ela era realmente uma beleza.

Com pensamentos correndo a mil, o rapaz começou a conversar com a mulher, quando de repente um grupo de homens musculosos entrou no bar.

Esse bar era só para pessoas ricas. Pessoas com renda baixa não tinham dinheiro o suficiente para beber nesse lugar. A partir da aparência dos homens, eles obviamente não eram ricos, pareciam mais bandidos.

Por isso que o surgimento desses homens no bar era muito estranho, e todos que estavam agradavelmente bebendo de repente levantaram as sobrancelhas com expressões de desagrado.

Os homens musculosos não se importavam. Um deles, que parecia o líder, se sentou em uma das grandes mesas no bar, e falou com uma expressão complacente:

“Chefe, traga as melhores bebidas que você tiver.”

Todas as pessoas presentes sentiram repulsa ao ouvir isso, e quando esperavam que o dono do bar se apressasse para chutá-los para foram, viram incrivelmente ele se aproximando dos homens carregando algumas garrafas caras de bebida e entregando a eles para beber com uma expressão muito humilde.

Vendo isso, todas as pessoas presentes começaram a pensar sobre quem são esses rufiões que conseguem dar medo até mesmo no chefe de um bar tão grã-fino.

O rapaz que conversava agradavelmente com a mulher nesse momento estava com uma expressão desagradável.

Estalando os dedos, de repente um homem apareceu ao seu lado, e ele falou:

“O que está acontecendo?”

O homem rapidamente explicou:

“Eles são um grupo de bandidos bem famoso na cidade, e o dono do bar os teme bastante porque eles são em grande números. Por medo, ele de vez em quando deixa eles beberem de graça, e tudo dá certo no final. Por causa disso, muitos clientes começaram a parar de vir mesmo que esse seja um dos melhores bares da cidade.”

O rapaz perguntou pensativamente:

“Grandes números? Só estou vendo vinte, isso não é suficiente para o dono temê-los…”

O homem sorriu estranhamente e respondeu:

“Essa é só uma parte deles… Aparentemente, existem ao todo quinhentos.”

O rapaz rapidamente perguntou:

“E a polícia?”

O homem balançou a cabeça e respondeu:

“Tem alguém dentro do alto escalão os protegendo, então a polícia fecha os olhos para as atividades deles. Contanto que eles não façam algo no nível de estupro/assassinato a céu aberto, eles podem fazer quase que o que quiserem.”

O rapaz lentamente assentiu com a cabeça, enquanto tinha uma expressão pensativa. Depois de um tempo, vendo o olhar do líder dos bandidos na sua direção… Mais especificamente, na bela mulher ao seu lado, sua expressão ficou fria.

Virando seu olhar para o lado, a mulher, que estava nervosa até um momento atrás, tinha nesse momento uma expressão pálida enquanto olhava para o líder dos bandidos que a estava olhando de forma agressiva e pervertida.

Vendo o quão pálida ela estava, Shi Zhuimin se sentiu amargo ao ver que a mulher que ele estava conversando é na verdade uma medrosa. Ele pensou que, por ela vir aqui, e por causa das suas vestes, ela tinha uma família poderosa, mas tendo tanto medo de um simples bandido obviamente demonstra que a família dela não deve ser tão poderosa.

Percebendo isso, o interesse de Zhuimin nela desapareceu completamente. Ele veio para esse lugar para procurar a mulher do seu destino. Como que a mulher do seu destino pode ser tão fraca e não ter uma família poderosa?

Por causa da sua família, sua esposa precisa ser forte e vir de uma família poderosa. Sem essas duas coisas, ela não pode ser sua esposa.

Mudando seu olhar para a direção do líder dos bandidos, seu olhar se tornou frio novamente. Embora ele não tivesse mais interesse nela, não podia simplesmente deixá-la ser estuprada por ele. Sem falar que esses bandidos estão acabando com o ótimo humor que ele estava há alguns minutos atrás.

Zhuimin se levantou e começou a se mover na direção do líder dos bandidos, quando o homem ao seu lado de repente falou:

“Quer que eu faça isso senhor?”

Parando seus passos, Zhuimin balançou a cabeça, e respondeu com uma expressão brincalhona:

“Já faz um tempo que não exerço minha força… Quero brincar um pouco.”

O homem que parecia ser o líder tinha uma expressão um pouco tensa. Ele não era um idiota. Havia pessoas nessa cidade que ele não podia ofender. Havia muitas dessas pessoas.

Por isso que, quando ele vem para esse bar, seu chefe lhe diz para tomar cuidado com o que fala, e não tocar nos clientes se eles demonstrarem não ter medo.

Ele viu aquela bela mulher e pensou em tentar alguma coisa com ela, mas ele não esperava irritar o companheiro dela, que parecia não ter medo dele. Na verdade, a partir da expressão brincalhona dele, o líder podia ver que esse homem não o via como alguém a altura, e sim como algum tipo de brinquedo que ele pode brincar e jogar fora quando quiser.

Por isso que ele ficou um pouco preocupado ao ver tal homem vindo em sua direção. Ele não sabia que ação fazer a seguir.

Mas lembrando do plano ao vir aqui, ele se acalmou, e começou a pensar em como abordá-lo de forma a não ofendê-lo.

Enquanto o líder estava tendo esses tipos de pensamentos, e Zhuimin estava se aproximando, uma voz de repente soou no bar que estava em completo silêncio:

“Oh, então era aqui mesmo que vocês estavam.”

Na porta de vidro, dava para ver uma menina que estava olhando dentro do bar com um sorriso estranho.

Assim que viu os homens dentro do bar, ela sorriu e lentamente entrou no bar.

A menina tinha em torno de 15-16 anos, o que era estranho de vê-la em um lugar como esse a essa hora.

Ela era extremamente bonita, com um semblante perfeito, pernas longas e bonitas que chamavam bastante atenção, um corpo bem desenvolvido para a sua idade, e um charme único.

Mas de fato, o que dava o maior toque com certeza eram suas roupas. Ela se vestia completamente de preto. E todas eram roupas bonitas e caras.

Ao vê-la, todos os clientes normais ficaram ligeiramente desnorteados, sendo o mais chocado, com certeza sendo Zhuimin, que a olhava intensamente.

O olhar dele não era de luxúria, e sim de admiração, e de deslumbramento. Ele nunca viu uma menina tão bonita antes. E a escolha de roupas dava a ela um charme extremamente atraente.

Mesmo que quisesse, ele não conseguia tirar os olhos dela. Ela era simplesmente deslumbrante demais.

As outras pessoas ficaram chocadas por alguns segundos, mas rapidamente se acalmaram. Afinal, todas ali são pessoas adultas, embora alguns deles tenham algum tipo de perversão em relação a garotas mais novas, a maioria deles, mesmo que cativados pela beleza dela, não tinham outros pensamentos além de admiração.

A menina não pagou muita atenção para as outras pessoas, simplesmente dando um olhar de relance em todas elas. As pessoas que sua atenção estava focada era nos bandidos que estavam sentados de forma preguiçosa nas mesas do bar.

Assim que a menina entrou, a expressão de todos os bandidos afundou, e muitos deles ficaram ligeiramente pálidos. Até mesmo o líder ficou extremamente pálido. Quando ele a viu pela primeira vez, até mesmo sentiu um tremor por todo o seu corpo, obviamente demonstrando medo em relação à menina.

Assim que a menina viu o líder dos bandidos, ela sorriu e falou:

“A última vez não foi o suficiente? Por que vocês têm coragem de sair por aí fazendo o que quiserem novamente? Vocês são realmente corajosos. Eu não apareci por alguns dias, e vocês acham que eu não vou voltar para lhes espancar?”

A palidez no rosto do homem desapareceu depois de alguns segundos, e um sorriso rígido lentamente apareceu em seu rosto.

Era muito óbvio que o sorriso rígido era forçado, mas o homem ainda tentou manter sua confiança enquanto falava lentamente:

“Você realmente caiu na armadilha…”


Se você gosta do nosso trabalho e quer nos ajudar,
não esqueça de nos Avaliar e dar seu Feedback,
isso é muito importante para todos nós.
🉐


Autor: ReaderBecameWriter  |  Editor: Delongas



Fontes
Cores