FNR – Capítulo 19 – A nova magia



STATUS

Nome: Ferus Raça: Bestial Lobo Divino Gênero: Masculino
Idade: 14 anos Classe: Guerreiro das Correntes Nível: 26
Força: 1.160 +100 Resistência 960
Agilidade 1.160 +100 Destreza 1.160 +100
Sabedoria 200max Inteligência 200max
Carisma 200max Poder Mágico 1.160 +100
Pontos de Vida 1.220 Mana 970
Ataque 1.130 +110 Defesa 1.030 +35

Equipamentos:

Arma Bônus Propriedades Material
Correntes Gleipnir +100 ATK,FOR, AGI, DES e PM Não avaliável Não avaliável
Proteção Bônus Propriedades Material
Armadura de couro leve (não oferece proteção até ser reparada.) +15 DEF Obra prima Couro + Carapaça
Braçadeiras selvagens +25 DEF Obra prima Couro + Carapaça
Botas selvagens +10 DEF +10 ATQ Obra prima Couro + Carapaça

Perícias:

Saltar NV MAX, Acrobacias NV MAX, Escalar NV 07, Sobrevivência NV MAX, Esportes NV MAX, Artes marciais NV MAX, Arquitetura rupestre NV 05, Artesanato NV 05, Confecção de Ferramentas NV 05, Arte rupestre NV 03, Culinária NV 06, Concentração NV MAX, Usar arma exótica (correntes) NV MAX, mestre usuário de correntes NV MAX, Furtividade NV MAX, Esconder-se NV 08, Ocultar presença NV 06, Desmantelar NV MAX, Corte e costura NV MAX, Sentir presenças NV MAX, Sentir intenção assassina NV MAX

Habilidades:

Status, Avaliação NV 08, Regeneração NV 04, Força dos gigantes NV 03, Pele de titânio NV 03, Resistência a magia NV 03, Ocultar Status NV 08, Super sentidos NV 08

Habilidades Especiais:

Imunidade a magias mentais NV 04, Imunidade a venenos NV 05, Vínculo de existência(especial)

Habilidades Únicas:

Crescimento rápido, aprendizagem rápida, Desenvolvimento acelerado

Habilidades Mágicas:

Espaço dimensional, Usar magia simples

Poderes:

Índigo Energy, infundir energia

Técnicas:

Índigo Chains NV 05, Connection with Chains NV 07, Guilhotine Chains NV 03, Shackle Dagger NV 04, Shackle Spear NV 04

Títulos:

O senhor da montanha

Minha batalha contra o javali demônio de espinhos e os demais monstros me fez avançar seis níveis.

A habilidade de ocultar status chegou ao nível 08, Hiekf ficou satisfeito com os resultados, entretanto agora temos que nos preocupar com a ocultação do status de Hiekf.

Uma coisa que toma toda minha atenção é saber mais sobre o tipo de “elemento que manipulo”, Hiekf deu os braços dizendo que nada sabia sobre minha natureza elemental.

Pelo menos me deu dicas de como descobrir como ela funciona:

Escute Ferus! Tem uma possibilidade de sua magia ser algo completamente novo, primeiro você deve descobrir o que diabos sua mana faz, por exemplo, a natureza elemental do fogo aquece e queima as coisas, usando esse exemplo você deve observar como sua mana interage com os objetos, resumindo, só vai descobrir experimentando.

Por mais simplória que seja a explicação, ela foi útil, como sempre Hiekf sabe fazer idiotas compreenderem as coisas.

Hiekf me deixou por conta de descobrir a natureza de meu elemento e foi sozinho a caça, ele me avisa que queria testar suas novas habilidades ou coisa parecida.

Eu peguei algumas pedras e coloquei próximas a mim, peguei uma e comecei a concentrar minha mana nela, nada aconteceu.

Por horas eu tentei e tentei, mas nada mudou.

— Affs! Pelo jeito magia não é meu forte!

Contudo eu queria muito tentar usar magia, eu me lembro de quando tentei invocar minha mana perto do lago, a sensação foi a chave.

Eu penso por um momento:

— Sensação né?

Eu pego novamente a pedra e derramo mana sobre ela novamente, mas dessa vez simulei “sensações” diferentes em mim.

Para minha surpresa algo inesperado aconteceu com a pedra, ela simplesmente derreteu em minha mão tornando-se um líquido barroso.

O espanto foi visível no meu rosto.

— Eu posso amolecer as coisas? Que merda de magia sem graça é essa?

Hiekf chegou ali carregando consigo animais abatidos, um deles me foi familiar, era o coelho deviante, o resto nunca vi em minha vida, um pássaro de três pernas, um bicho redondo que não tinha membros, esse foi bem nojento, entre outros.

— Eu acabo de chegar e já o encontro reclamando da vida! Não é muito jovem para agir ranzinza Ferus?

— Tsk! Você ficaria assim também se descobrisse que seu poder mágico é inútil!

— Hou! Teve sucesso em algo?

Eu pego uma pedra e a faço virar líquido como fiz com a outra.

Hiekf me vê com um olhar semicerrado, ele deixa as caças no chão e se aproxima de mim, após sentar ele pede:

— Ferus! Faça novamente!

Eu peguei a pedra e repeti o processo, Hiekf pegou um recipiente e armazenou a lama que a pedra se tornou.

Ele me encara e pede:

— Tente fazer o barro voltar a ser pedra!

— ….!….

Eu me dou conta do quanto Hiekf é esperto, isso nem passou pela minha cabeça.

Obedecendo eu tentei transformar o barro em pedra novamente, depois de algumas tentativas eu consigo a façanha.

Uma informação nova é plantada em minha mente.

*Natureza mágica única revelada:
Sua mana é especial e específica, só pode ser usada de forma rudimentar, seu alcance se resume ao toque, as propriedades de sua mana representam:

  1. Transformação: capacidade única de transformar matéria (Exceto seres vivos).
  2. Alteração: pode mudar o estado, a forma e a composição das substâncias até um certo nível, (Exceto seres vivos).
  3. Estruturação: pode estruturar e reestruturar matéria, (Exceto seres vivos).
  4. Auto capacitação física: Sua mana também pode reforçar sua estrutura física por um curto período de tempo em muitos aspectos.
  5. Evolução: Sua mana tem um potencial evolutivo e pode adquirir outras propriedades.

— Hiekf! Veja só isso no meu status.

Hiekf, suspirou alto e deu sua opinião:

— Ahahahaha! Parabéns Ferus, você acabou de adicionar mais um tipo na lista de elementos especiais, você é uma trapaça ambulante né?

Hiekf diz isso com um tom de ironia, isso me zangou muito.

— MERDA! Pare de me ver como uma aberração hiena maldita!

— Impossível! É como pedir para não ser um gnoll.

Antes de reclamar de qualquer coisa Hiekf me cortou mudando o assunto:

— Bom! Pelo que vejo aqui! Sua magia se resume a você mesmo, então não precisa se preocupar com cânticos ou coisa do tipo já que ela só pode ser usada de forma rudimentar, sugiro que desenvolva suas próprias magias.

— Você faz parecer fácil falando assim! Eu nem tenho ideia de como começar.

— Jovem! A magia é basicamente um gatilho para ativar a natureza mágica de seu elemento, estou dizendo para treinar o que pode fazer com sua mana e transformar isso em feitiços.

Hiekf continua:

— Veja bem! seu poder de alterar o estado da pedra, tente usar em outras coisas, como metais, tente também solidificar líquidos e quem sabe até transformá-los na sua forma gasosa.

Eu me espantei com a gama de possibilidades que Hiekf me apresentou, nunca pensei em mudar o estado da matéria com meu poder.

Hiekf é de fato muito inteligente, chega a ser assustador.

— Ferus, se foque nisso que lhe falei, qualquer mudança me avise, enquanto isso vou desmantelar esses animais, estou de bom humor porque consegui um nível agora.

— Ho! Então você nivelou hein!

— Sim! Já faz um ano que não subo de nível, então me sinto com vontade de comemorar.

— Entendo!

É raro ver Hiekf de tão bom humor, decidi deixá-lo só e fazer o que ele me indicou.

Eu peguei algumas ferramentas de metal que temos e coisas como frascos de vidro, até sal eu usarei para testar minha magia.

Comecei amolecendo tipos diferentes de rocha, percebi que devo derramar mais mana em rochas que pareciam mais duras, foi óbvio para mim que quanto mais denso o material mais difícil é
liquificar-lo.

Eu tento fazer o mesmo com os metais, foi complicado mas consegui, a faca de metal que transformei em líquido pareceu mercúrio escorrendo de meus dedos.

*Nova magia desenvolvida:

  • {Mudança de estado}: capacidade de modificar a matéria (exceto seres vivos) a obrigando assumir seus dois estados básico: Líquido e sólido.

De alguma forma consegui uma magia, fiquei feliz com o resultado, contudo eu tenho que descobrir outras formas de usar esse meu elemento único.

Uma coisa veio a minha mente, o líquido no qual transformei a faca já endureceu tornando-se uma mancha de metal, eu peguei essa “mancha” e tentei mudar sua forma, fazendo-a retornar a uma faca.

Depois de muito me concentrar, consegui realizar meu desejo, a mancha retornou a sua forma de faca, contudo decidi mudar seu designe, fiz muitos modelos de facas usando o mesmo material, foi até divertido.

*Nova magia desenvolvida:

  • {Moldagem}: o poder de modelar e remodelar estruturas alterando sua forma física e composição, desde que tenha em mãos o material necessário.

Aprendi outra magia legal com isso decido fazer inúmeros experimentos.

Eu peguei de dentro do meu espaço dimensional diversos matérias que guardei a muito tempo, incluindo parte da carapaça do monstro tartaruga dragão que venci com os lobos na floresta.

Também peguei matérias de alguns monstros que venci ao decorrer de minha jornada, eu os coloquei enfileirados e pensei no que deveria fazer.

Percebo que minha armadura está danificada, tanto que nem pode ser utilizada para defesa mais, eu a retirei de mim e tentei repara-la com os mesmos materiais que a fiz.

Foi um pouco complicado, mas tive êxito.

Minha magia é muito boa usando-a para reparo e criação de equipamentos.

Eu corri para contar a Hiekf sobre isso, mas ele está muito ocupado desmantelando os monstros que abateu.

Eu percebo que ele deixou a sua lança selvagem próxima de onde estou, essa lança foi feita por mim, mas usei uma forma manufaturada de construção.

Eu peguei a lança que dei a Hiekf para fazer experimentos, claro que não disse nada a ele.

Eu levei a lança para onde realizei experimentos e usei diversos matérias para tentar melhora-la, primeiro eu pensei que sua haste é muito frágil, pois é de madeira, pego então alguns materiais de metal e tento fazer uma haste substituta.

Foi perfeito! Contudo a ponta da lança na minha perspectiva precisava de muitas melhoras, foi então que tentei transformar muitos componentes ali na sua forma liquida para mistura-los e depois solidificar.

O resultado foi maravilhoso! Assim melhorei é muito a lança de Hiekf.

Eu usei avaliação sobre ela:

Arma Bônus Propriedades Material
Lança da Glória +38 ATK Concede ao usuário as habilidades: [Pele de ferro] e [Força de touro] Mistura mágica de componentes e metal.

Me surpreendo com o ótimo resultado, o bônus de ataque se elevou muito, além de conceder mais uma habilidade fora a [Pele de ferro], agora a lança concede [Força de touro] que é uma versão mais fraca da minha [Força dos gigantes].

Quando mostrei a Hiekf sua nova lança ele ficou maravilhado, parece que tudo tratando de sua lança o anima.

*Nova magia desenvolvida:

  • {Sintetizar}: capacidade de unir, fundir e comprimir substâncias e materiais.

Nunca imaginei obter um tipo de magia que facilite a minha vida em quesitos de fabricação de itens e não é só isso, minha magia parece muito versátil e utilizável de muitas formas que ainda não pensei, naquele dia fiz inúmeros experimentos usando materiais de todo o tipo que possuía.

Eu não consegui esconder o sorriso estampado no meu rosto mediante a tantas possibilidades.

Ponto de vista de Hiekf:

Nada mais que vem desse garoto me surpreende, mesmo que ele tenha adquirido um tipo de natureza elemental nunca vista antes, eu nem sequer me abalei, parece que me habituei ao antinatural.

Eu escondendo algo de Ferus e não quero que ele saiba, pois tenho certeza que agiria de modo precipitado e idiota.

Aurus tem mantido contato comigo por meio de um mensageiro, um recado bem preocupante foi me relatado.

O filho do falecido Laruk está aguardando por Ferus na cidade de Harp, tenho que fazer o possível para mantê-lo ocupado! Graças a deus ele se distraiu com sua recém descoberta magia.

Mudando o foco, eu também estou sofrendo anormalidades, hoje ganhei três novas perícias, também subi o nível de diversas perícias que possuo, geralmente se leva um certo tempo de prática para nivelar uma perícia ou habilidade, mas graças as habilidades únicas que adquiri recentemente eu tenho crescido ao ritmo anormal.

Minha teoria está correta! As habilidades únicas de Ferus influenciam as pessoas com quem tem laços.

Ferus vai ser alvejado em um futuro próximo, tenho que ficar forte e fazê-lo se fortalecer também.

Mesmo agora no início de nossa jornada já temos inimigos poderosíssimos, como a Predatory.

Acho melhor não falar sobre isso agora com o garoto, mas entre os membros da predatory, Laruk não era o mais forte, há rumores de um membro ser tão forte quanto a coelha branca.

No momento só posso encarar meu punho cerrado e rezar para o melhor resultado.

Espero que Riruk desista de Ferus antes que ele perca a paciência de ficar nessa floresta.

— Affs! Que complicado! Lidar com uma criança desse tipo… Dá muito trabalho! (Suspiro)!

Sem ter opção eu resolvo continuar com a caça.

Fui a uma área de caça que conheço bem, lá haviam criaturas que rendiam bons cobres.

Me espreitando pela mata alta procuro possíveis alvos, primeiro para aumentar meus níveis, segundo para conseguir materiais e dinheiro.

Finalmente avisto uma presa em potencial:

É uma serpente negra, ela tem quatro metros, não é um oponente difícil, mas seu veneno não é brincadeira.

Para garantir eu a avaliei:

[Avaliação]

STATUS

Nome: Serpente Negra Raça: Besta Gênero: Macho
Força: 63 Resistência 55
Agilidade 75 Destreza 95
Sabedoria 20 Inteligência 22
Carisma 25 Poder Mágico 111
Ataque 87 Defesa 90

Habilidades:

Mordida venenosa NV 08, Sensor térmico NV 05

Perícias:

Rastrear NV 03, Caçar NV 07

Eu só preciso me focar em fugir de suas presas, também estou ansioso para testar a lança que o garoto melhorou.

Eu me aproximei à espreita, mas infelizmente o monstro me notou, pois possui um sentido térmico avançado.

A serpente me encara exibindo suas ameaçadoras presas, era visível o veneno escorrendo delas.

Mesmo assim não temi meu oponente, preparei minha pose de ataque e aguardei o movimento de meu inimigo.

A serpente se enrolou em seu próprio corpo, isso para que seu bote tivesse mais propulsão, minha experiência me dizia isso.

Nessa situação virar as costas é fatal, só posso preparar meu contra ataque, eu afiei meus sentidos ao máximo, a tensão de meus músculos foi tão forte que os senti ranger.

Por outro lado a serpente também está ansiosa, ela não tem paciência como eu, na floresta a precipitação leva a morte.

A serpente lançou seu bote com toda velocidade sobre mim, foi tão rápido que só tive tempo de colocar a haste de minha lança na frente de sua cabeça.

Eu bloqueio com satisfação o bote da serpente, sinto o hálito fétido do réptil atingir minhas narinas, com um balanço eu desvio as presas do inimigo de mim.

A serpente rapidamente recuperou sua posição e se enrolou para dar outro bote.

Dessa vez decidi não ser compassivo e vou ao ataque, felizmente a serpente não consegue recompor sua posição para o bote a tempo.

Com minha excelente envergadura desferi uma poderosa estocada mirando a cabeça da serpente, mas ela levantou parte de seu abdome e colocou na frente protegendo sua área vital, mesmo assim a dor foi sentida pela besta.

Eu salto para trás refazendo minha postura, a serpente deu seu bote certeiro, contudo eu saltei sobre ela e desfiro outro golpe, desta vez com tudo que tinha.

『Spiral Sting』

Minha técnica que junta magia do elemento vento e ataque físico perfurou em cheio a cabeça da serpente que sucumbiu sem vida ao chão.

Eu visei a lança que Ferus melhorou e me assustei por um momento, pareceu que furei um tablete de manteiga com uma faca quente, a lança que tenho agora é muito proficiente, aparenta que foi feita sobre medida para mim.

O jovem lobo e tenebroso.

Como se não fosse o suficiente tenho a impressão que meu corpo se tornou jovial, como se retornasse a adolescência, a fadiga da idade que é um fardo presente a todo momento, não estava mais ali.

Meus movimentos também melhoraram e muito, suspeito que isso se deva as habilidades únicas que adquiri recentemente.

Tudo ia bem mas meus pensamentos são cortados por um barulho vindo dos arbustos atrás de mim, o barulho pertence a uma criatura de grande porte, não há dúvidas.

Eu me viro para confrontá-la e vejo um ser que não queria dar de cara de jeito nenhum.

É um terrível urso coruja, ele está bem longe de sua área habitual de caça, não sei o motivo, o que sei é que essa criatura é feroz e cruel, como botou seus olhos em mim não vai desistir até um de nós estar morto.

— GAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAR!

O monstro berra ao me encarar, eu armei minha habitual pose de combate.

— Droga! O que faz tão longe da sua área maldito?

Sem perder tempo eu avaliei a criatura

[Avaliação]

STATUS

Nome: Urso Coruja Raça: Besta Gênero: Macho
Força: 200 Resistência 200
Agilidade 300 Destreza 130
Sabedoria 13 Inteligência 21
Carisma 20 Poder Mágico 100
Ataque 230 Defesa 216

Habilidades:

Agarrar NV 03

Perícias:

Rastrear NV 07, Caçar NV MAX, Super sentidos NV 02

Essa criatura é bem feroz, não posso leva-la para Ferus, o rapaz está distraído e também não posso sempre contar com um menino para livrar meu rabo do perigo, também tenho meu orgulho de homem!

— Tsk! Que seja! VENHA!

O monstro investiu contra mim sem pensar duas vezes, essa criatura sempre tem uma abordagem ultra ofensiva, então tenho que tirar algum proveito disso.

Ao final de sua investida o urso coruja saltou tentando cravar suas garras em mim, eu saltei para trás evitando o ataque fatal.

O urso não desiste e continua o trajeto desferindo diversos golpes de garras, mas consigo desviar de alguma forma, uso a haste de minha lança para defletir as garras do monstro para os ataques no qual não conseguiria desviar.

Infelizmente a criatura fechou distância entre mim e ele, minha arma não funciona bem a uma distância curta então fiquei na defensiva.

O monstro tenta me abocanhar com seu bico, porém usei a haste de minha lança para evitar ser mordido ou bicado, ou seja o que deva ser chamado nesse caso…

A fera me atinge com sua garra.

— Urgh!

Minha fina veste de couro foi fatiada como pão fresco, o sangue de meu peito escorreu como uma cachoeira e a dor se estampou em meu rosto.

Eu coloquei a mão sobre o ferimento para estanca-lo e o monstro lambeu satisfeito meu sangue que tingiu de rubro suas garras.

A fera tem um olhar confiante, mas eu não serei sua presa.

Eu não consigo entender como o jovem lobo consegue sorrir mesmo em uma situação igual à que eu estou passando, mesmo assim eu não quero dar o gosto da vitória ao algoz a minha frente.

Com toda minha vontade eu forcei um sorriso, mesmo que tremesse, eu forcei um sorriso, mesmo que o medo apavorasse minha alma eu forcei um sorriso.

Eu preparei meu ataque mais forte e fui com tudo para cima mesmo sem confiança, eu quero sobreviver, ainda que esteja em desvantagem.

O monstro saltou sobre mim igual a última vez, contudo eu já vi esse ataque, com uma manobra terrestre eu executei uma cambalhota e passei por baixo do urso coruja, suas costas estão desprotegidas em minha reta.

Eu me lembro do jovem lobo sorrir quando uma situação oportunista assim aparecia e instintivamente sorri também.

— Tsk! Esse moleque está me influenciando!

Sem perder tempo usei uma versão em sequência da minha técnica 『Spiral Sting』e dali uma nova técnica nasceu:

『Spiral Wave』

Usando o poder elemental do vento eu desferi uma grande sequência de estocadas que atravessaram o corpo do monstro…

— GYOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOO!

O berro da criatura foi audível e pleno, quando terminei de executar meu golpe, o corpo do monstro não foi diferente de uma peneira.

Eu falei de forma arrogante:

— Hunf! do jeito que você ficou agora, não vai ter nenhuma utilidade para mim!

Quando coloquei a lança em meu ombro o monstro desabou no chão.

Nunca em minha vida pensei que ganharia uma batalha de forma tão fácil contra um monstro forte assim.

Hiekf adquiriu + 1 nível.

Hiekf adquiriu + 1 nível.


Autor: Marcus | Revisor: Heaven

QC: Bczeulli



Alterar fonte
Cores