DA – Capítulo 20 – Namhr chora, e os céus choram juntos



Fumin dá alguns passos à frente e com suas mãos recolhidas e abaixadas, anuncia ao público:

— Povo do abismo! Eu, Mor Fumin, vim com a intenção de finalmente tirar vocês desses tempos desesperadores. Como todos vocês sabem, a fenda que há na saída do abismo, alimenta com um ar gélido a inospitalidade desta terra, mas venho trazer a solução para isso.

Fumin então estala os dedos e Fashr que estava atrás dela, dá alguns passos e, se curvando, da um saco cinza para Fumin.

— Um saco cinza! — Um líder de vila reconhece o saco e exclama, empolgado.

— O que é um saco cinza? — Um pequeno na frente do home pergunta.

— Sacos cinzas são especiais, neles cabem mais do que aparentam por fora. Eles possuem algo chamado, ”inscrição espacial”, ”runificação” ou até mesmo ”diagrama de efeito”, isso faz com que não somente sacos, mas também armas, e outros utensílios tenham efeitos especiais. — O respectivo líder explica

— Que incrível, essas coisas existem? — O pequeno fica maravilhado com tamanha descoberta.

— Sim, sacos cinzas podem segurar até 50 metros cúbicos de espaço se não me engano! E existem ainda maiores! Mas eu só sei do azul depois do cinza, o azul tem espaço para 300 metros cúbicos. — O líder continuou a explicação.

Outras pessoas discutem rapidamente sobre o mesmo tópico.

Fumin alcança o conteúdo do saco, e tira para fora pedras que tem um tom azulado bem escuro.

— Pai, aquilo são… — Mits reconhece brevemente.

— Pedras cósmicas. Mas… estão com um tom azul muito forte.

“Não são pedras cósmicas. Esse lugar fede a ignorância. Aquilos são pedras Yin-Qi.” — Gornn

— Tem muita diferença? — Mythro pergunta à Gornn, lançando um pensamento.

Mits consegue ouvir Gornn livremente, graças a um feitiço de Mutima, então quando Gornn e Mythro começam a conversar, ela os escuta, e vira o rosto para a cabeça de Mythro.

“Sim, bastante. Pedras Qi, ou pedras espirituais são acúmulos de energia feitas de forma sólida, desse jeito, é mais rápida a absorção, devido ao estado concentrado da energia. Existem níveis e tipos de pedras Qi diferentes. Esta pedra que ela segura é um acúmulo mais puro de energia Yin, devido à raiz moribunda… Foi isso que eu tinha lhe dito antes, o rei do norte quer este recurso. Ele provavelmente vai fazer o povo desse ”abismo” escravo.”

— Mas isso vai ser ruim! Meu pai não vai ser escravo! — Mits pensa e fecha os olhos, e chega a tremer.

— Ela consegue ouvir?

“A cultivação que eu passei para vocês é uma das mais fortes na questão de dupla cultivação. Vocês entrelaçaram suas almas, cultivação e carne, se bem que a carne ainda falta um passo, mas de qualquer jeito, e para todo efeito, ela é você, e você é ela. Vocês só estão em seus respectivos corpos. E também há a questão do feitiço de Mutima, sem ele a cultivação dupla de vocês seria impossível”

Mythro chega perto de Mits e a abraça. Mitri vê os dois e acha que estão com frio, ele tira sua pele de lobo que aquece a parte superior de suas costas e nuca, e acolhe os dois.

Fumin continua:

— Como alguns de vocês devem saber, isso são pedras cósmicas. Mas estas são especiais, elas possuem uma forte natureza Yin. E depois de estudos terem sido realizados nos laboratórios da mais elite inteligência do norte, descobrimos que elas podem ser a causa do porquê este lugar ser tão inóspito. Então, eu vim aqui para duas coisas. Primeiro, pedir a vocês, povo do abismo, se juntem à mim e colham essas pedras, e segundo, mandar todas para o norte, para que assim, vocês em alguns anos possam viver sobre melhores condições, para que seus filhos e filhas possam cultivar além do primeiro reino! — Ela termina mostrando a pedra para todos, com seu braço esticado ao alto.

Todos olham a bela figura de Fumin, e seu simples, porém impecável monólogo sobre esperanças de um amanhecer mais belo para todos ali!

Homens e mulheres na arquibancada se ajoelham, e de mãos juntas, agradecem os céus por terem um rei tão bom.

O rei do norte estava pensando neles esse tempo todo! Ele trouxe sua filha para casar com um dos seus, e tirar as pedras yin do abismo, para que ele possa florescer!

Estas pessoas sabiam bem sobre as escassas condições do abismo. As mulheres olhavam as mãos, ressecadas e de feridas abertas pela luta contra o frio, elas olhavam para Fumin, e se viam nas mesmas condições.

Os homens cerravam os punhos, e colocavam suas mãos nos ombros de seus filhos, eles imaginavam a glória de ter sua descendência além dos limites do abismo, limites que eles viveram suas vidas inteiras, limites que seus pais e avós morreram sem poder jamais superar, por causa do maldito lugar que era o abismo!

Uma emoção antes não conhecida infla em seus peitos. Os sentados, se levantam em lágrimas e adoração, os levantados, caem de joelhos, em lágrimas e adoração.

O rei veio por eles!

“Para dominar as massas, dêem a eles, o que eles acham que precisam, e então, tomando suas aspirações, e mascarando por ser iguais as suas, perpetue-se no poder. O rei do norte é levemente esperto.” — Gornn cita.

— Como assim levemente? Todos aqui estão chorando de verdade, Gornn eu sinto, eu vejo! Eles querem mudanças, eles querem mudar suas vidas, melhorar para seus parentes e amigos, para todos aqui no abismo! — Mythro lança o pensamento para Gornn, irreconciliado.

“Gatinho, a planta carnívora só come moscas, se a mesma pousar em sua boca. Todos aqui já estão na boca de seu devorador, e se você tentar tirá-las, elas vão se unir contra você. Deixe que o abismo morra, e leve sua noiva daqui.”

— Mas e meu pai, e irmão? Meu clã! Mythro também tem o senhor Fashr e Namhr! — Mits também fala com Gornn.

“É uma escravidão, não execução em massa. Se bem que o segundo é mais desejado que o primeiro, porém, isso quer dizer que vocês terão tempo de cultivar, e vir buscá-los. Aquela Fumin está no meio do segundo reino, lutar contra ela é sonho de criança para vocês dois.”

— É uma grande implementação e devido a isso, que eu e o senhor Hu Ping, vamos fazer este campeonato, para que algumas crianças possam desde já estar longe do abismo e trazer para os novos descendentes que estão por vir, a cultivação além do primeiro reino!

— Viva os Mor!

— Viva, viva, o rei do norte, guardião do óctagono!

— Viva Fumin, donzela guardiã do abismo!

“O público elogia bem seus chicoteadores. Que show!” — Gornn ri na mente de Mythro.

Hu Ping vai ao lado de Fumin e com duas placas de madeira retangulares, ele faz uma chamada:

— Sem delongas, querido povo! Eu invocarei os selecionados para a primeira luta. Apresentem-se na arena, Mythro e Monc Teblanc!

— Suba e prove-se para nós garoto! — Trinto, fala, e tira a pele de lobo de cima de Mythro, pegando ele pelas axilas, o leva até a arena de mármore, e o deixa lá.

— Mythro! — Mits assusta com a atitude do irmão e tenta alcançar Mythro, mas seu pai a segura.

— Precisamos checar algo no garoto.

“Eles dois pensam que o que você disse antes é mentira, provavelmente eles vão tentar lhe separar de Mits.” — Gornn avisa.

O pequeno NOVA dá alguns passos, mas mantém a cabeça abaixada.

Na bancada de convidados distintos, três pessoas olham fixamente a criança que foi levada ao mármore.

— Não poderia ser…? — Fumin murmura, Hu Ping escuta e começa a olhar na criança com certo interesse.

— My…? — Fashr também acha estranho, e por um momento perde o decoro e fica ao lado de Fumin, mas os filhos de Hu Ping se aproximam e o puxam de volta para trás, dizendo:

— Cães não ficam ao lado de seus donos.

E mais uma pessoa se move com esse nome. Namhr não podia ligar menos para as pessoas ao seu redor, ela desce as escadas e também sobe ao mármore. Ela corre rápido, que chega a impressionar os líderes ao redor da arena, então se joga no pequeno.

Ela levanta seu queixo, ela o olha nos olhos.

— Meu irmão… — Os belos olhos roxos de Namhr se enchem de lágrimas, uma aura espraia de seu redor, é como se todos ficassem com o mesmo peso do que há em seu peito. O céu se fecha com nuvens cinzas, densas como forte tempestade, uma lágrima cai das bochechas de Namhr, e assim, a chuva, junto com as lágrimas de todos ao redor, também começa a escorrer…

“Os céus seguem o Dao, o Dao são os céus, e tudo é Dao. Quando o Dao é estimulado, tudo aquilo que é senciente, acompanha o Dao. Aqueles que dão sentido ao Dao, são ÉterDao, nascidos de todos os Daos, de onde tudo vem e vai.” — Gornn cita, seu rosto é sério, sua postura rígida das correntes, fica ainda mais rígida…


Autor: Mateus Lopes Jardim Revisor: Bczeulli  CQ: Gabriel Lucas



Fontes
Cores