DA – Capítulo 141 – Apagando o fogo do oeste profundo(3)


Kether se manifesta espiritualmente atrás de Mythro. Os anciões não percebem, mas, os reis sentem que algo ao redor do jovem sábio mudou de aura.

— Vamos, caralho, me dê!

Suoro esquece de deter a opressão de Pairo para investigar a mudança repentina. Ele tem certeza que houve uma mudança, mas não consegue ver nada.

Embora muito do Qi de fogo saturado tenha sido absorvido, aliviando o restante dos membros dentro do ritual. As brigas e as flutuações dos reis deixaram o Qi de fogo caótico, como o humor deles.

Suoro está deixando todos com grande ansiedade. Todos querem a formação que está se provando ser mais eficiente do que qualquer outra, mas estavam se segurando com o mínimo de ética de entender que segredos de clã são mais importantes do que a própria vida de um ou dois membros, não importando seus status!

Se todos no oeste soubessem de como suas artes funcionam, elas se tornariam fáceis de serem contra atacadas e perderiam ímpeto contra até mesmo os mais fracos clãs. Então é muito óbvio que Mapok ia preferir morrer do que entregar a formação!

— Patriarca Pairo, é apenas a verdade o que meu pai diz. Se tivéssemos essa formação, acha que apenas Mythro estaria a usando agora!?

Todos abrem os olhos um pouco, sendo lembrados de algo tão básico. Se a formação fosse realmente deles, não importa o quanto eles favoritassem o artesão convidado deles, não usar para os jovens do próprio clã?

— SEM DESCULPAS, RATO DO OESTE DE FORA.

— Você está saindo dos limites. Todos aqui concordam com o que o filho de Mapok disse. Nem o clã anfitrião ousa pedir ou tentar comprar as técnicas e artes dos clãs e sectos, indiferente de sua origem. Quanto menos, usar a força para roubá-las, o que você faz está indo contra a ética do oeste e contra a boa moral das leis!

O Grão-Ancião do Sol Dourado intervém.

— Você acha que eu vou dar ouvidos a isso?  O CLÃ DA LUA NÃO PRECISA DE NOSSAS ARTES, POIS A DELES É A MAIS FORTE. Até o clã da lua tentaria pegar uma formação que se prova ser superior às atualmente conhecidas, não foi Marsha Yulang, princesa coroada da Lua que comprou daquele menino as magias de uso único a pouco tempo atrás?

Todos ficam calados novamente, e enquanto isso Mopak já tem sangue saindo de sua boca e narinas.

— Mirmo Mopak, minha filha será a maior mulher cultivadora de fogo desta geração. Por que você não faz o favor de ir logo entregando a formação?

Marcus Drak também começa a pressionar Mopak, que começa a descer centímetro por centímetro do ar.

— Pai!

Mirmo II Mopak se sente completamente inútil. Mesmo sendo um homem adulto, patriarca de um poderoso clã do oeste de fora, controlando a vida de milhares de pessoas, não só dentro de seu clã, mas em diversas vilas, sua garganta começa a doer e seus olhos se enchem.

“Por que somos tão fracos!? Onde está nossa justiça céus?”

— Mirmo…

Raico aperta seu punho. Seria mentira de sua parte se dizer que não deseja a formação. Mas deste jeito ele estaria envergonhando o oeste inteiro e seus ancestrais! Fraco como fosse, o oeste de fora e o clã Espada sob o Sol ainda eram parte do oeste, eles lutavam e morriam no fronte contra o Norte e o Sul.

É neste momento—

Kether aponta para o lado do clã Espada sob o Sol. Uma cúpula se forma, para depois tomar forma de uma árvore.

— OLHA LÁ, COMO EU DISSE. MIRMO MOPAK!

Mirmo ignora a dor por um momento e olha para o pequeno NOVA. Seus olhos se enchem de lágrimas.

— Obrigado…

A mesma cúpula se forma ao redor do clã Major de Fogo, e se transforma em uma árvore.

Voltando a si, Mythro abre os olhos e contempla a transformação da formação “Uma árvore Fazendo Florestas”.

Ele sente Kether preparando na palma da sua mão um comando. Agora na Condensação de Anima, o Comando de Cima pode criar runas com um certo comando, que seria ainda mais opressivo na questão de “cumprir a ordem”.

A runa é comprimida e se materializa. A ordem segue para o centro da área onde o ritual estava sendo realizado. Ela se desdobra e se torna um olho, que olha a todos os clãs no local e marca apenas dois.

Essa marca irradiava o desejo de proteger, ela voa até a Major de Fogo e a Espada sob o Sol.

— Você estava ouvindo também, não é?

— Sim… Mas isso vai deixar eles bem putos.

— Vai ser bom pro seu crescimento. Infelizmente na questão de mano a mano você não vai encontrar ninguém páreo a você, então vamos deixar você no “um contra todos” para continuar crescendo rapidamente.

Chokmah soa na cabeça de Mythro.

Kether estala os dedos e volta para a área Jing. O olho do “Comando de Cima” gera um barulho como um grito, ele expande e explode, deixando a energia cósmica ainda mais caótica.

Todos que não estavam protegidos pela formação de Mythro cospem sangue, e dentro de suas formações Qi de fogo começa a se juntar e a se transformar em um… Escorpião!

— O Escorpião Ardente!?

Todos se espantam, e reconhecem a identidade da imagem que se materializa.

— Aquele menino invocou o Escorpião?

— Impossível, deve ser aquela formação maldita!

— Pairo, você é idiota, imbecil ou retardado? O que a porra de uma árvore tem a ver com um escorpião?

— Suoro, parece que nossos clãs vão ter que passar por um duelo de fogo para decidirmos de uma vez por todas, quem é que pode deixar o outro falar.

— Patriarcas, o oeste não está em condições de lutar internamente.

— O que está acontecendo aqui?

Uma voz feminina e apressada entra na conversa dos reis. É Munica Yulang, acompanhada de Machist.

— Essa princesa só foi pegar uma coisa e encontro os reis de fogo brigando?

— Pairo e Suoro, a pressão de vocês está sufocando todos no ritual, o que aconteceu aqui?

— Munica, que bom que você chegou. Este menino Mythro usou estratégias malignas do abismo para forçar prejuízo sobre os clãs!

— Como?

Munica e Machist olham para o ritual e veem as estranhas formações que cobrem apenas dois clãs e os acompanhantes de Mythro.

— Observe, essa formação de árvore do clã Espada sob o Sol tem ótimos efeitos em lidar com Qi de fogo caótico, mas quando eu pedi para o patriarca Mapok compartilhar conosco ele inventou desculpas de que o pai mortal do garoto é quem lhe deu essa formação, sem igual até mesmo dentro dos nossos ranques do oeste profundo!

— Por que a Major de Fogo também está coberta pela formação, sendo que o clã Espada sob o Sol mal é associado deles?

— Isso… Não tenho certeza, mas com certeza isso também é um plano do qual, infelizmente a Major de Fogo é cúmplice. Eles querem tirar cada um dos outros clãs para poder ficar com mais Qi de fogo para si mesmos, eles sabem que se nós, reis e anciões desfizermos a pose estelar, poderemos aleijar todos abaixo de nós com o quão caótico o Qi de fogo irá ficar se não for subjugado por todos nós.

— Você está se ouvindo, Pairo?

Uma outra voz feminina aparece, desta vez ela traz surpresa em todos os corações. Uma surpresa de asfixiar gargantas.

— Marsha!?

— VOCÊ ESTÁ FALANDO COM UMA QUALQUER, PATRIARCA DA PIRA ANÍMICA!?

Marsha Yulang aparece com grande momentum, uma lua comparável a de reis se orna em sua imagem… viva!

“Como suspeitávamos, o clã da lua usa em seus descendentes com maior talento pedaços da lua para dar vida a suas cultivações.”

— Se é verdade o que você diz, por que todos os reis e anciões daqui não dão suporte às suas reclamações? Por que caralhos quem está sangrando é o patriarca do clã Espada sob o Sol!? POR QUE OS ÚNICOS FODENDO O RITUAL AQUI, PARECE SER VOCÊ E MARCUS DRAK, QUE ESTÃO COLOCANDO A PRESSÃO DE REIS EM JOVENS NA CONDENSAÇÃO DE ANIMA!?

Qi de lua se forma na frente de Marsha. Ela estende sua mão, colhendo o Qi e lançando no peito de Pairo!

O raio lunar atravessa tão rapidamente que alguém poderia apenas sentir a resistência do ar sendo rasgada. Com um estrondo que poderia vir apenas de um pedregulho se esmagando no chão depois de cair dos céus, Pairo é jogado longe, mesmo colocando uma camada de sua energia em defesa.

Um outro raio é atirado, e joga para ainda mais longe Marcus Drak!

— Princesa, a formação!

A lua desaparece detrás de Marsha, e se coloca no lugar que os dois reis deixaram… Marsha Yulang estava cobrindo o vão de dois reis sozinha!

Todos os demais reis e anciões engolem em seco. Que tipo de poder é esse, capaz de expulsar dois reis estando meramente no terceiro reino!?

— Voltem para suas posições. Marcus Drak, esqueça de ir para o oeste profundo. Você se acha superior demais sendo que não consegue tomar um golpe desta princesa. Quanto a você, Pairo… Os jovens do seu clã podem se retirar da formação, mas você continuará o ritual. NÃO HAVERÁ REEMBOLSOS. Vocês têm algo para dizer a esta princesa?

Os dois patriarcas se levantam, onde eles foram acertados há agora um pequeno rasgo que faz sangue descer. Seus rostos estão pálidos e sua energia e sangue estão completamente desajustados.

Marcus bate seus dentes e reúne coragem para desembuchar algo, mas os olhos de Marsha se transformam em luas que fazem seu corpo estremecer.

— Não, senhorita…

— Ótimo!


Autor: Mateus Lopes   │   Revisor: BCzeulli



Fontes
Cores